É a única maneira confiável para determinar se existe perda de massa óssea, sendo fundamental para diagnosticar a osteoporose e demais doenças que atacam os ossos.

A densitometria óssea é um exame que mede a densidade de minerais dos ossos (DMO). Para saber se está tudo bem, os resultados são comparados com padrões de idade e sexo dos pacientes. Este exame não causa dor nem expõe o paciente a risco.

Sendo indicada para diagnosticar e tratar problemas nos ossos, a densitometria óssea, sem dúvidas tem sua principal aplicação na avaliação e tratamento da osteoporose.

Como essa doença ataca principalmente o fêmur, coluna, bacia (pelve) e punho essas são as áreas mais examinadas, o que não descarta a investigação de outras áreas, que podem ser solicitadas após exame clinico do seu médico.

A densitometria também é fundamental no diagnóstico e tratamento da osteopenia e outras condições.

Esse exame deve ser feito regularmente por:

  • Mulheres acima de 65 anos;
  • Homens acima de 70 anos.

Pacientes com fatores de risco

1

Mulheres após menopausa

2

Pacientes com problema na tireoide

3

Pacientes com histórico familiar de osteoporose

4

Fumantes e sedentários

5

Pacientes com doenças reumáticas, cálculo renal ou doença gastrointestinal,

6

Pacientes que fazem uso constante de corticosteroides

Fala com a nossa equipe e agende a sua consulta agora mesmo.

AGENDE AGORA!


Orientações:

Chegar com 30 min de antecedência.

Trazer pedido médico original.

Documento de identificação com foto, carteira do convênio.

Trazer exames anteriores.